SEED Science


A Terra – Um Planeta Vivo
Glossário e Referências

andesina: rocha vulcânica cinza-escura de textura granulada fina que contém cerca de 60% de silício, mais ferro e magnésio. foto

arquipélago: um grupo de ilhas.

astenosfera: a parte superior do manto terrestre, com aproximadamente 200 km de espessura. Apesar de a astenosfera ser quente – 1.400°C –, ela não é fundida. A rocha da astenosfera pode ser deformada pela pressão, resultando em movimento da crosta acima dela. diagrama

basalto: rocha vulcânica negra formada por lava expelida por vulcões ou rachaduras na crosta terrestre e que endureceu. foto

deriva continental: teoria de que o movimento da superfície da Terra faz com que os continentes lentamente se agrupem ou se afastem. Segundo essa teoria, os continentes um dia foram parte de uma massa terrestre gigantesca. Com o tempo, a massa terrestre se desmembrou e os continentes se separaram até os locais em que estão atualmente. Veja Teoria da Placa Tectônica.

convecção: processo pelo qual a energia do calor pode ser circulada em gases e líquidos. Quando o material é aquecido, ele se expande, fica menos denso e sobe. Entra um material mais frio para ficar em seu lugar. Enquanto isso, o material aquecido se resfria, fica menos denso e afunda. O movimento do material aquecido e resfriado cria uma corrente de convecção circular. diagrama

convergir: dirigir-se para o mesmo ponto.

movimento convergente da placa: o movimento das placas tectônicas em direção uma à outra. animação

núcleo: a parte central da Terra. Estudos mostram que o diâmetro do núcleo é de cerca de 3.500 km, mais de metade do diâmetro terrestre total, que é de 6.370 km. O núcleo é dividido em duas partes, o núcleo externo e o núcleo central. Os cientistas acreditam que o núcleo externo tem cerca de 2.250 km de espessura e é composto de ferro e níquel fundidos. O núcleo central é feito de ferro e níquel sólidos, e é menor: cerca de 1.220 km de espessura. diagrama

crosta: a camada mais externa da Terra. A crosta é como uma fina "pele" de rochas e solo que cobre o planeta. A espessura vai de cerca de 5 a 75 km. A crosta continental é feita de rochas semelhantes a granito e basalto. A crosta oceânica é composta principalmente de basalto. diagrama

divergir: afastar-se.

movimento divergente da placa: afastamento das placas tectônicas uma da outra. animação

terremotos: um tremor abrupto do solo que ocorre quando forças dentro da crosta terrestre causam um movimento repentino na rocha. Os terremotos podem ser resultado de uma liberação repentina de pressão ao longo de uma fratura na crosta terrestre, de atividade vulcânica ou de atividades humanas, como uma explosão. A maioria dos terremotos ocorre nos 720 km mais externos da crosta, onde as rochas sob pressão provavelmente se quebram, em vez de se curvarem ou vazarem.

epicentro: o local exato da superfície da Terra diretamente acima do local onde o terremoto está concentrado. O epicentro é ponto no qual a crosta treme e emite ondas de choque. animação

falha: uma fratura ou zona de fraturas que leva ao deslocamento das camadas rochosas da crosta terrestre. A pressão aumenta em uma das laterais da falha até que a rocha se quebre e ocorra o movimento. A maioria das falhas está no subsolo, mas algumas podem ser vistas da superfície. diagrama

fóssil: os restos de uma planta ou um animal da antiguidade, preservados na rocha. O fóssil pode ser um resto de planta ou do próprio animal, ou ainda pode ser uma toca ou um rastro deixado por ele. Alguns fósseis foram encontrados preservados em gelo, alcatrão ou seiva endurecida.

granito: rocha ígnea clara de textura granulada composta por quartzo, dois tipos de feldspato e mica.

heterogêneo: formado por partes que não estão relacionadas ou são diferentes.

homogêneo: formado por partes iguais ou muito semelhantes; uniforme.

ponto quente (hot spot): área no meio de uma placa tectônica na qual o magma sobe do manto e irrompe à superfície. Às vezes, os vulcões são formados acima de um ponto quente. diagrama

ígneo: o grupo de rochas que é formado pelo endurecimento da rocha fundida. Alguns exemplos: granito, andesina, basalto, feldspato e obsidiana. foto

lava: magma (rocha derretida) que emergiu para a superfície da Terra. Lava em geral se refere à rocha líquida que flui de um vulcão, bem como à rocha solidificada formada quando a lava resfria. Veja magma.

litosfera: a camada terrestre mais externa, incluindo a crosta e a parte superior do manto. A litosfera é composta por seis placas tectônicas grandes e por diversas menores. Sua espessura vai de menos de 50 km, abaixo dos oceanos, a 120 km, nos continentes. Veja placas tectônicas. diagrama

placas litosféricas: Veja placas tectônicas.

magma: rocha fundida abaixo da superfície da Terra. Quando o magma emerge até a superfície da Terra, muda seu nome para lava. Veja lava.

manto: a zona da Terra entre a crosta e o núcleo. O manto tem cerca de 2.900 km de espessura e é formado por uma densa rocha ígnea. diagrama

cadeia mesoceânica: cadeia de montanhas no leito oceânico na qual a crosta oceânica é criada com o magma provindo do espaço entre duas placas tectônicas. diagrama formada por forças tectônicas. Quando duas placas continentais colidem, as rochas se entortam, formando montanhas e vales. As montanhas também são formadas por vulcões. diagrama

lavas almofadadas: formações submarinas de lava em forma de saco. Quando a lava derretida avança no leito oceânico, ou flui para dentro do oceano, ela é rapidamente resfriada pela água do mar, e forma-se uma crosta ao redor da protuberância. A pressão aumenta até que a lava atravesse a nova crosta e escorra como pasta de dente até formar outra almofada. À medida que o fluxo de lava avança, as lavas almofadadas continuam a se empilhar umas sobre as outras. No fim, elas se solidificam totalmente. foto

limites das placas: as bordas de cada uma das placas tectônicas. Veja placas tectônicas. mapa

teoria das placas tectônicas: teoria de que a crosta terrestre é dividida em placas individuais que se movem gradualmente em relação umas às outras. As bordas das placas se movem em direção umas às outras, causando atividades geológicas como criação de montanhas, terremotos e vulcões. Veja placas tectônicas.

Anel de Fogo: arco localizado ao longo da borda do Oceano Pacífico, que vai da Nova Zelância até a região oriental da Ásia, ao norte ao longo das Ilhas Aleucianas do Alasca, e ao sul ao longo da borda ocidental das Américas do Norte e do Sul. O Anel de Fogo se destaca pelos frequentes terremotos e erupções vulcânicas. Mais de metade dos vulcões do mundo que estão acima do nível do mar está localizada no Anel de Fogo, e cerca de 90% dos terremotos do mundo ocorrem ali. mapa

rocha: uma mistura, de ocorrência natural, de material rochoso que faz parte da crosta terrestre. As rochas podem conter um único ou diversos minerais. Existem três tipos principais de rocha: sedimentar, ígnea e metamórfica. As rochas sedimentares são formadas por sedimentos depositados na superfície da Terra. As rochas ígneas vêm de rochas derretidas no fundo da Terra. As rochas metamórficas começam como rochas sedimentares ou ígneas, mas são alteradas pelos efeitos da alta temperatura e pressão.

sedimento: grãos de minerais, rochas fragmentadas ou material orgânico que podem ser transportados e depositados por água, gelo ou vento.

sísmico: relativo a ondas de energia de choque que viajam pela Terra como resultado de um terremoto ou explosão. As ondas sísmicas são medidas por um sismógrafo e estudadas por sismólogos.

sísmica: o estudo das ondas criadas pelo homem.

sismologia: o estudo dos terremotos.

subducção: processo no qual duas placas tectônicas colidem, e uma fica por baixo da outra. Como a placa oceânica é mais densa que a placa continental, a placa oceânica se inclina e escorrega para baixo da placa continental, formando uma fossa oceânica profunda. A área onde duas placas tectônicas colidem e ocorre a subducção é chamada de zona de subducção. animação

placas tectônicas: (também conhecidas como placas litosféricas) placas imensas e irregulares de rocha sólida que são os pedaços da litosfera terrestre. Há sete placas tectônicas grandes e diversas menores. A placa pode ser oceânica, continental ou ambas. A Austrália está localizada inteiramente sobre uma placa, assim como a Antártida, mas os limites das placas passam pelos outros continentes.

teoria: explicação de algum aspecto do mundo natural que se baseia em fatos observáveis, estudos, princípios e proposições.

movimento de transformação da placa: movimento de duas placas tectônicas que escorregam uma para cima da outra. As áreas onde ocorre esse movimento são chamadas de limites de transformação. Em alguns lugares, os limites de transformação são acentuados pela formação de recursos, como vales ou leitos fluviais, nos quais a rocha foi fragmentada pelo movimento de deslizamento. animação

tsunami: uma grande onda oceânica destrutiva, ou uma série de ondas, que resulta de um movimento vertical repentino da crosta terrestre.

vulcão: uma abertura na superfície da Terra através da qual saem magma, gases e cinzas. Uma montanha criada pelo acúmulo de magma endurecida também é chamada de vulcão. A maioria dos vulcões tem a forma de um cone, mas alguns são menos escarpados. Estes são chamados de vulcões-escudo.


Looking for more information?